About

Delegado José Mariano de Araujo Filho

Delegado José Mariano de Araujo Filho no programa "Altas Horas"

O Delegado José Mariano de Araujo Filho e Bacharel em Direito e técnico em eletrônica formado pela fundação Paulo Souza, tendo cursado o C.E.I. “Albert Einstein”. Destacou-se quando trabalhou na Delegacia Seccional de São Bernardo do Campo, onde esteve a frente da Delegacia de Investigações Sobre Crimes Contra o Meio Ambiente, o que lhe valeu homenagem formal da Câmara dos Vereadores da cidade de São Bernardo do Campo, pela excelência de seu trabalho.
Ainda de sua passagem pela Delegacia Seccional de São Bernardo do Campo, o mesmo participou das investigações que culminaram com o resgate do cativeiro da vítima de extorsão mediante seqüestro Marcelo Mora Teixeira, justamente o sobrinho de advogado proeminente da região, Dr. Roberto Teixeira, amplamente conhecido por sua ligação com o Presidente da República, Luis Inácio Teixeira da Silva, caso que foi deslindado sem o pagamento de resgate e com a prisão de todos os envolvidos, o que lhe valeu elogio formal em seu prontuário por parte do Conselho da Polícia Civil e do Delegado Geral de Polícia.
Também trabalhou no Departamento de Telemática da Polícia Civil de São Paulo, sendo seu o projeto que criou a intranet da Polícia Civil que substitui a rede de telex, a qual era absolutamente vetusta e inadequada, o que modernizou em muito as comunicações na Polícia Civil de São Paulo.
Deve ser mencionado que o Delegado José Mariano detêm inúmeros cursos na área de programação de computadores, administração de bancos de dados e comunicações, sendo professor da Cadeira de Informática Polícial e Crimes Eletrônicos da Academia da Polícia Civil do Estado de São Paulo, onde leciona desde o ano de 1995.
Lecionou como professor nas Faculdades de Direito da Universidade Camilo Castello Branco e Universidade Bandeirantes, sendo pós-graduado na área de Direito Comercial pela Universidade de São Paulo.
É palestrante ativo,  sendo que neste último ano já proferiu palestras sobre Crimes Eletrônicos no “GNCOC – Grupo Nacional de Combate a Organizações Criminosas” do Ministério Público do Rio Grande do Norte;  Congresso Nacional do Ministério Público do Consumidor no Estado da Paraíba e Escola da Magistratura Federal da 3ª Região.
Por ocasião de sua passagem pela 4ª D.I.G. – Crimes Praticados por Meios Eletrônicos, o Dr. José Mariano de Araujo Filho foi o responsável pela modernização das investigações sobre crimes praticados por meios eletrônicos, melhorando sensivelmente a elucidação desta modalidade criminosa.
Foi o responsável direto pela prisão do famoso narcotraficante internacional, Ramon Manuel Yepes Penago, alcunhado de “El Negro”, através de investigação iniciada em sua delegacia e sob seu comando, o que acarretou elogio por parte da Embaixada da Espanha no Brasil e do Conselho da Polícia Civil e  Delegado Geral.
Através das investigações que chefiou, valendo-se de buscas pela internet, foi um dos responsáveis pela recuperação de mais de uma centena de computadores roubados da Fatec de Carapicuíba Atualmente, o Delegado Mariano tem auxiliado na criação da legislação de crimes eletrônicos do Brasil, sendo o responsável pelo parecer do Relator na Comissão de Constituição e Justiça do Projeto do Senador Eduardo Azeredo (89/2003), o Deputado Federal Regis de Oliveira, tendo sido o único participante das Polícias Civis do Brasil nas discussões no Senado Federal.
Por fim, em busca da melhoria na qualidade das investigações sobre crimes praticados por meios eletrônicos, o Delegado José Mariano estava iniciando discussões com a FEBRABAN e Abranet para abreviar a tempo de acesso dos órgãos de segurança pública a informações necessárias para rastreamento de endereços I.P., algo já realizado pela Polícia Federal e que beneficiaria as polícias civis de todo o país.
Menciona-se ainda, que o Delegado José Mariano tem desempenhado um importante papel no aconselhamento dos vereadores de São Paulo, na C.P.I. Municipal da Pedofilia, apresentando sugestões que vão auxiliar na elaboração de uma série de normas e posturas municipais.