Porque são necessários profissionais em computação forense?

Computação Forense

Um bom profissional que conheça técnicas adequadas de computação forense pode ajudar na descoberta de uma gama variada de informações por ter, normalmente, grande experiência em uma ampla variedade de equipamentos e sistemas operacionais.
Seu uso é sempre benéfico num caso que envolva hardware e software, com o que este especialista é diretamente familiarizado, muito embora o projeto fundamental de um computador e a implementação do software muitas vezes seja bastante peculiar de um sistema para outro. Experiência em uma área de aplicação ou sistema operacional é muitas vezes facilmente transferível para um novo sistema.
Ao contrário de provas de papel, a prova em computadores muitas vezes pode existir em muitas formas, com as versões anteriores ainda acessíveis em um disco de computador.
Sabendo da possibilidade de sua existência, até formatos alternativos dos mesmos dados podem ser descobertos. O processo de descoberta pode ser bem mais eficiente quando realizado por um especialista que consiga identificar mais possibilidades na medida em que venham a ser solicitadas como, eventualmente, provas que se façam necessárias.
Além disso, durante as inspeções nas instalações existentes num local, nos casos em que discos de computador não são realmente apreendidos ou copiados de maneira a garantir a integridade dos dados, o perito forense pode mais rapidamente identificar lugares para procurar sinais e fontes de informações adicionais de provas pertinentes.
Estas podem assumir a forma de versões anteriores de arquivos (notas, planilhas, tabelas) que ainda existem no disco do computador ou em mídia de backup ou em diferentes formatos de versões de dados, criados ou tratados por outros programas de aplicação (processamento de texto, planilhas, e-mail cronograma, horários, ou gráficos).
Proteção de dados é crucial. Um profissional de computação forense experiente deve se preocupar para que um sistema de computador analisado seja tratado com extremo cuidado, a fim de que reste assegurado que:

• Não seja possível danificar, destruir ou comprometer evidências pelos procedimentos utilizados para investigar o computador;
• Não seja possível a introdução de nenhum vírus de computador no computador analisado durante o processo de análise;
• A comprovação da extração de informações é algo possivelmente relevante é deve ser devidamente tratada e protegida depois de dano mecânico ou eletromagnético;
• Uma cadeia contínua de custódia deve ser estabelecida e mantida;
• As operações de negócios sejam afetadas somente por um período limitado de tempo;
• Todas as informações advogado-cliente que inadvertidamente forem adquiridas durante uma análise legal e ética devem ser legalmente respeitadas e não divulgadas.

Um especialista em computação forense precisa tomar medidas de forma cuidadosa para identificar e tentar recuperar possíveis provas que possam existir no sistema de um computador analisado.

Quem pode usar evidências colhidas por análise forense computacional?

Muitos tipos de processo penal e civil podem e fazem uso de elementos revelados por especialistas em computação forense. Estes são os seguintes:

• O Ministério Público Criminal pode usar evidências colhidas durante uma análise computacional forense em que documentos incriminatórios venham a ser encontrados dando conta da prática de crimes, incluindo homicídios, fraude financeira, tráfico de drogas, desvio de verbas e pornografia infantil;
• O Contencioso Civil pode facilmente fazer uso de registros pessoais e de negócios encontrado em sistemas informáticos que comprovem fraude, prática de adultério para fins de divórcio, discriminação e casos de assédio;
• As empresas de seguros podem ser capazes de atenuar seus custos através da utilização de computadores na descoberta de evidências de uma possível fraude em acidentes, incêndios ou em casos de indenizações para trabalhadores;
• As empresas costumam contratar especialistas em computação forense para encontrar provas relacionadas a assédio sexual, desvio e roubo ou apropriação indevida de segredos comerciais e informações internas e confidenciais;
• Agências Governamentais de investigações freqüentemente necessitam de assistência nos preparativos para a execução de mandado de busca e apreensão e no pós-tratamento dos equipamentos informáticos apreendidos;
• As pessoas às vezes contratam especialistas em computação forense em apoio a possíveis reivindicações de rescisão ilícita, assédio sexual ou discriminação por idade.

Mas existem muitos problemas relacionados à coleta de provas em computação forense que merecem ser analisados.
Uma prova colhida de um computador é como qualquer outra prova. Deve ser:

• Autêntica;
• Precisa;
• Completa;
• Que convença um Juiz;
• Em conformidade com o direito consuetudinário e as normas legais (ie, admissível).

Há também problemas especiais:

• Os dados do computador mudam momento a momento;
• Os dados do computador são invisíveis ao olho humano, e só podem ser vistos indiretamente, após os procedimentos adequados;
• O processo de coleta de dados de um computador pode alterar-se de maneira significativa;
• Os processos de abertura de um arquivo ou impressão nem sempre são neutros;
• Informática e tecnologias de telecomunicações estão sempre mudando, de modo que os processos forenses raramente podem ser fixados por muito tempo.

Po tudo quanto restou exposto, o papel do especialista em computação forense tem se revestido de grande importância a cada dia, tornando-se um grande desafio para órgãos públicos e grandes corporações se cercarem de profissionais experientes e com conhecimento técnico adequado.
Fato é que a computação forense e investigações digitais tem se tornado parte da rotina policial em nosso tempo.
Atualmente os computadores fazem parte da rotina diária de policiais e é imprescindível que novos conhecimentos sejam incorporados a seus métodos de trabalho.
Hoje é impensável cumprir um mandado sem a apreensão de todo e qualquer dispositivo de armazenamento de informações e adoção de medidas que assegurem a integridade das evidências colhidas.
A proteção da evidência sempre será um fator crítico. Um profissional em computação forense irá garantir que os sistemas computacionais estejam cuidadosamente seguros.

4 Responses to Porque são necessários profissionais em computação forense?

  1. Peterson disse:

    Ola Mariano.

    Parabéns pelo site.
    Estive lendo sua matéria sobre profissionais forense e é uma área que me interessa.
    Minha pergunta para você é, existe profissional forense na área de redes (switches, roteadores) e voip? Porque esta é minha área de especialização. Ou, o perito forense é, necessariamente, um profissional especialista em Sistemas Operacionais e software?

    Att

    Peterson

  2. admin disse:

    Prezado Peterson:

    Agradeço por seu comentário.
    Com relação ao questionamento que fez, o perito que atua nesta área de forense computacional necessita de uma conhecimento muito mais encinclopédico, motivo pelo qual não existe um perito forense que tão somente atue na área de redes. Obviamente, que no decorrer de sua carreira, você pode optar por se especializar e atuar muito mais neste campo.
    Grande abraço.

  3. Marcos disse:

    Gostei muito da sua postagem, sou formado em sistemas de Informações e gostaria de obter literatura nesta área, o que você poderia me recomendar?

  4. admin disse:

    Agradeço por sua visita Marcos. Existe pouco material a este respeito, mas você pode obter muita informação de forma esparsa na internet. Meu objetivo é permitir a discussão de forma que todos possam entender a importância da formação técnica e de profissionais que possam atuar adequadamente. grande abraço.

Deixe uma resposta